Ídolo do Timão, Marcelinho Carioca vai montar ‘fábrica de craques’ – Marcelinho Carioca

Ídolo do Timão, Marcelinho Carioca vai montar ‘fábrica de craques’

Ex-jogador investe pesado em antigo sonho: ajudar a formação de jovens talentos do futebol

Ex-jogador investe pesado em antigo sonho: ajudar a formação de jovens talentos do futebol

Depois de arriscar na carreira política e virar comunicador no rádio e na TV, o ex-jogador e estudante de jornalismo, Marcelinho Carioca, vai atuar em outra área: formação de craques. Ele se uniu a dois grandes empresários para montar o seu QG. O local ainda não foi divulgado. Marcelinho Carioca Camp pretende encurtar o caminho dos jovens com os clubes. A previsão é iniciar o projeto em março com 100 jovens e até outubro alcançar um total de 300. A promessa é ter o maior centro de treinamento do Brasil com quatro campos e setenta suítes para receber os jovens atletas.

“O objetivo é gerar oportunidades, realizar os sonhos das criançadas de todo o país. O garoto vai respirar futebol. Serão quatro campos com quartos temáticos, 70 suítes no início. Vai ter quarto com a cara do Messi, cara do Neymar, do Cristiano Ronaldo, do Romário, Ronaldinho Gaúcho, a minha”, revela com alegria o Pé de Anjo.

Durante a Copa São Paulo de Futebol Júnior, Marcelinho ficou emocionado com os jovens que o procuraram para falar sobre o sonho de ser craque. “Todos me recebem com muito carinho onde quer que eu vá. Eu me vejo na condição destas crianças há 33 anos atrás”.

Marcelinho Carioca vai entrar com a experiência adquirida com o futebol e o peso do seu nome. Seus sócios serão o investidor Éverthon Silva, dono de uma recuperadora de crédito, a Live Office e Ricardo Villas Boas, representante de jogadores na Europa e Ásia. Responsável pela negociação do volante Guilherme, ex-Corinthians, para a Udinese, da Itália e por levar 18 jogadores para a Coreia. Por enquanto o projeto não terá apoio de clubes. “Faremos intercâmbios e captação de talentos. Amistosos para julho/agosto na Itália, Espanha, Holanda e Ásia”.

(Texto de Carlos Sartori)

Author: Marcelinho Carioca

Compartilhar em